A importância do setor

A ANAPO - Associação Nacional de Avicultores Produtores de Ovos, uma entidade sem fins lucrativos que representa todo um setor de atividade, conta com aproximadamente 50 associados que produzem e comercializam ovos produzidos em baterias, ao ar livre, no solo e em modo biológico.


Nos anos 80, uma galinha poedeira já́ produzia 292 ovos ao ano, enquanto na década anterior a média era de 243. Desde então a produção de ovos regista aumento todos os anos fixando-se atualmente em mais de 100 mil toneladas anuais de ovos para consumo.


O sector da produção de ovos em Portugal caracteriza-se pela capacidade de alojamento efetivo a rondar os 6,5 milhões de galinhas poedeiras. Esta capacidade representa 2,1% da capacidade da UE. Deste número, temos 783.694 em sistemas alternativos, representando 9,7% do total, enquanto a média na UE é de 44,3%. Dados do Instituto Nacional de Estatística (INE) mostram que entre 2008 e 2014 o número de galinhas poedeiras alojadas em produção tem sofrido apenas pequenas oscilações, sendo 2011 o ano onde se registou uma variação mais acentuada com um decréscimo de 474 mil aves, o que correspondeu a uma variação de -7,7% face ao ano anterior.

Relativamente à produção de ovos de consumo, Portugal contabilizou, em 2014, 105,384 toneladas, um valor que não tem sofrido grandes oscilações desde 2001, exceto em 2012 , ano em que desceu para as 99,845 toneladas. Também a produção de ovoprodutos tende a aumentar nos últimos 14 anos com um registo de 9,3 mil toneladas produzidas em 2001 para 19,9 em 2014.

Com a exceção aos anos de 2001, 2007 e 2008 o consumo interno tem sido sempre inferior à produção bruta, ainda que, com valores muito aproximados.Por este motivo, entre 2001 e 2014 a autossuficiência do país nunca baixou dos 98% (2007) e a percentagem mais alta registou-se no ano passado (2014) nos 118%, sendo que o consumo anual per capita flutua entre os 8 e os 10kg, desde 2001.

Em 2014 o total de ovos em casca exportados foi de 19,98 mil toneladas, enquanto as importações se fixaram nas 9,04 mil toneladas. O total de ovoprodutos encaminhados para o mercado externo em 2014 foi de 10,10 mil toneladas ao passo que se importaram 4,89 mil toneladas.

As estatísticas revelam ainda que tanto exportações como importações de ovos e ovoprodutos têm aumentado gradualmente desde o início do milénio, sendo que as exportações suplantam em, sensivelmente, o dobro as importações.

Os produtores de ovos têm exportado ovos sobretudo para países da União Europeia. Nos últimos anos também se têm exportado para países africanos, nomeadamente Angola, Guiné Equatorial, Guiné Conacri, Republica do Djibuti, Senegal, entre outros. Os ovos portugueses chegaram também ao Dubai, Hong Kong e, mais recentemente, para os EUA.

Estão licenciadas cerca de 2.500 instalações para as atividades da avicultura industrial, com um efetivo médio permanente de 35 milhões de aves alojadas e uma produção anual de 260 milhões de aves de capoeira. Haverá ainda cerca de 45 estabelecimentos de abate e indústrias transformadoras de carne de aves e, 68 centros de classificação de ovos e 1 indústria de ovoprodutos. O setor avícola, produção primária e indústria, tem criados 25 mil empregos diretos e o volume de negócios anual, estimado, das empresas associadas, está próximo de 1.000 milhões de euros, um contributo já considerável no total do setor agroalimentar português.

undefined

Efectivo médio total de galinha poedeiras

(1000 aves)

undefined

Produção e consumo de ovos

(ton)

undefined

Produção de ovoprodutos

(ton)

Festival do Ovo

undefined

Exposições

O Festival do Ovo terá um espaço especialmente dedicado a expositores, onde se destaca a presença de diversos agentes com atividades diretamente ligadas aos Ovos, como os grandes produtores e transformadores de Ovos de Portugal. A doçaria também será um ponto de destaque, com as melhores iguarias feitas a partir do Ovo como tripas doces de ovos moles, pão de ló, brisas do lis e bolas de Berlim. Os expositores técnicos da área da veterinária, logística, sistemas de incubação e também dos equipamentos e componentes serão outros dos expositores presentes bem como um escultor de Ovos.

undefined

Workshops

No sábado, o palco dos workshops contará, entre outros, com diversas intervenções, nomeadamente, uma contadora de histórias, com a apresentação de uma história infantil original, a Chef Rita Elói, vencedora do 1º Masterchef Portugal, o Chef Vaz, da EPL e um chef pasteleiro ligado à doçaria conventual e ainda destaque para a valorização nutricional do Ovo.

undefined

Animação infantil

O Festival do Ovo tem reservadas, para as crianças, diversas atividades relacionadas com os Ovos de forma a sensibilizá-las para a riqueza do Ovo. Os mais pequenos poderão desenhar, pintar, construir galinhas através de caixas de Ovos e ainda montar origamis num atelier criado para eles. Ao participar nestas atividades estarão habilitadas a ganhar o livro infantil “O Meu Ovo?!” (ANAPO) concebido especificamente para o Festival do Ovo. Haverá espaço ainda para pinturas faciais e insufláveis que fazem as delicias dos mais novos.

undefined

Concurso

No encerramento do Festival do Ovo, o concurso que colocará o público em êxtase! Ser capaz de comer o maior número de ovos cozidos em 5 minutos é o desafio proposto aos participantes. As inscrições estarão limitadas a 10 pessoas. Haverá lugar a duas rondas, uma destinada aos participantes femininos e outra aos masculinos. O prémio para os vencedores (masculino e feminino) será um fim-de-semana para duas pessoas na Serra da Estrela e ainda o certificado de maior de devorador de ovos cozidos em 5 minutos.

undefined

Rota Gastronómica do Ovo

Durante o período de 5 a 10 de outubro, os estabelecimentos de restauração da cidade de Leiria participarão de forma ativa na Rota Gastronómica do Ovo, integrada nas comemorações do Dia Mundial do Ovo e no Festival do Ovo - Leiria 2015. Os estabelecimentos contemplarão na sua ementa, propostas gastronómicas em que o Ovo seja o principal ingrediente. O objetivo deste evento será mostrar a versatilidade que o Ovo, o alimento mais completo da natureza, poderá assumir na vida diária da população.

undefined

Organização

          Coorganização